A importância de fazer atividade física com os Pets

Todos sabem da importância das atividades físicas, por ser um assunto sempre tratado por médicos e programas de saúde. Porém, isso também se aplica a seu animal de estimação. Como um ser vivo complexo, o cão tem necessidades que precisam ser supridas para ter uma vida saudável.



Assim como para os seres humanos, as atividades físicas proporcionam aos animais uma melhora na saúde física e mental. Antes de passar pela domesticação e todo o processo de mistura de raças, os cães eram caçadores. Sendo assim, caminhavam por horas e dependiam dos seus instintos para sobreviver. É claro que nos tempos atuais essa realidade mudou, porém, certos estímulos continuam sendo necessários para sua qualidade vida.

Uma boa caminhada é o bastante para garantir vários benefícios ao seu cão. E apesar de que todos os cachorros precisam fazer exercícios, é papel do dono ver os sinais de que o animal atingiu seu limite. O nível de exercício vai variar de acordo com a raça, o porte e a idade, então é importante que o tutor conheça bem seu pet e fique atento ao seu comportamento. Outro fator relevante é se o animal possui alguma doença que possa ser complicada por exercícios intensos, o que deve ser conversado diretamente com um médico veterinário.

O ideal seria que a caminhada fosse feita diariamente, porém, o cotidiano agitado muitas vezes impede que os donos façam isso. Mas é necessário fazer um planejamento, porque os cães precisam de uma rotina. Não adianta fazer duas caminhadas por mês, ou uma semana sim e outra não. Dessa forma, os efeitos benéficos dos exercícios não vão aparecer. Se por acaso não for possível fazer uma caminhada, existe a opção de o estimular em casa, por meio de brinquedos e brincadeiras.

O primeiro benefício dos exercícios é simples, gastar energia. Por ficarem presos em casa ou sozinhos durante muito tempo, os cães acabam acumulando muita energia que pode resultar tanto no estresse do animal, quanto deixá-lo com um comportamento destrutivo, quando eles quebram ou mordem coisas da casa. Já o estresse pode deixar o cachorro mais agressivo, ansioso e depressivo. Isso pode fazer com que o animal desenvolva distúrbios como automutilação ou que ataquem qualquer um que se aproximem do dono. E por fim, após gastar a energia diária, o cão fica mais tranquilo e dorme melhor.

A caminhada também ajuda na socialização do animal. Ela o deixa mais dócil, e calmo. Como na caminhada o animal vai ter contato com outros humanos e também cães, ele passa a ser mais sociável. Além disso, quando os cachorros se exercitam regularmente com o dono tendem a ficar mais cooperativos e esses comportamentos acabam se repetindo em casa.

Outra vantagem dos exercícios é a melhora na saúde. Atualmente os casos de obesidade canina e predisposição à diabetes estão cada vez mais comuns em cães que não praticam exercícios. Além de ajudar em casos de dificuldades cardiorrespiratórias, as atividades físicas podem aumentar a longevidade de seu animal. O sedentarismo também atinge seu pet, por isso é tão necessário fazê-lo se acostumar com atividades físicas.

Apesar de todos os fatores positivos, você deve tomar cuidado antes de praticar qualquer exercício com seu cão. Lembre-se de levá-lo em um veterinário para um “check-up” antes de colocá-lo em alguma rotina de exercícios. Se possui um filhote é necessário que ele já tenha todas as vacinas em dia antes de praticar atividades ao ar livre. Leve água e saquinhos para recolher as fezes, e opte por horários como começo da manhã ou fim da tarde. Assim você e seu amigo de quatro patas terão bons momentos juntos, além de melhorar a qualidade de vida de ambos.



Você também pode contratar um Dog Walker, caso não tenha tempo para levar seu Pet para fazer atividade física. Basta acessar, www.meuguiapet.com e encontrar o profissional mais próximo à você.

Receba nossas atualizações

© 2019 MeuGuiaPet LTDA