Amigáveis e amorosos - Nós amamos os Pugs

Hoje o “Falando Sobre” vai abordar o universo dos nossos queridinhos Pugs.

De pequeno porte, de cabeça arredondada, com olhar expressivo, com ruguinhas pelo corpo e rabinho enrolado, os cãezinhos da raça Pug são extremamente amigáveis e amorosos, e encantam os adultos e crianças com os grunhidos que fazem quando estão latindo.


Por ter o focinho achatado (braquicefálicos), os Pugs são menos tolerantes ao calor, e podem a ter dificuldades para respirar, por isso os tutores devem evitar o sobrepeso do cãozinho e também ficar atento ao seu ronco para saber quando este ficar fora do normal, também não é recomendado fazer caminhadas em dias quentes, pois isso poderá deixar o pequeno estressado e mais cansado que o normal.


Os Pugs têm tendência ao ganho de peso e costumam ser bastante gulosos e preguiçosos, por isso, é indicada a prática de exercícios físicos leves e dieta controlada. Para isso, é importante consultar seu médico veterinário, para que ele avalie se o seu pet está com sobrepeso ou algum problema de saúde, e prescreva a dieta ideal para seu peludinho.


Bastante fiel aos seus tutores, o Pug torna-se facilmente um companheiro inseparável por ser extremamente sociável, além de se adaptar facilmente a ambientes e pessoas estranhas. Possui temperamento estável, e tende a é ser calmo e de bom humor, é avesso a esportes intensos, e preferem ficar ao lado de seus tutores relaxando e recebendo carinho.


A expectativa de vida de um pet da raça Pug é de 12 a 16 anos. Se você tem ou pretende ter um cachorro da raça Pug, saiba que ele não será um cão de guarda, mas sim muito companheiro, estará sempre esperando você descansar se sentar em seu colo ou deitar com você.


E você tem Pug? Conta pra gente sua experiência, com essa raça tão popular no Brasil.

Redação do Notícias Pet


Você conhece o MeuGuiaPet? Encontre todos os profissionais para seu Pet em um só lugar. Acesse: www.meuguiapet.com



Receba nossas atualizações

© 2019 MeuGuiaPet LTDA